O Coletivo Território B foi criado em 2011 - por artistas que já trabalhavam juntos em vários outros grupos e projetos desde 2006 - com o objetivo de pesquisar, entre outras coisas, teatro de rua, teatro dialético, intervenção urbana e noções de território.
      Em seu primeiro ano de existência, foi aprovado pelo edital "Proac - Pesquisa em Artes Cênicas - 2011" com o projeto "Territórios", que pretendia estudar ações e relações cênicas a partir de discussões sobre território (principalmente dentro do conceito discutido pelo geógrafo Milton Santos) e intervenções realizadas no bairro do Bixiga, em São Paulo, local de origem do grupo.

          Essa pesquisa gerou sua primeira peça, "Banalidade", que estreou a sua primeira versão no ano de 2012. 
Em 2013 o grupo estreou uma segunda versão da peça, desta vez com direção de Márcio Rodrigues e Rafaela Carneiro.

       No final de 2012 o grupo foi indicado como grupo revelação no Prêmio Cooperativa Paulista de Teatro e em 2013 "Banalidade" foi indicada ao mesmo Prêmio como melhor espetáculo de rua.

          Em 2014 o grupo estreou o trabalho "Território de Linhas", intervenção literária a partir da obra de diversos autores.  
        No início de 2014 o grupo foi contemplado pelo "Programa Municipal de Fomento ao Teatro"  com o projeto Não Consta no Mapa, que durou 15 meses e desenvolveu vária ações - intervenções, apresentações, oficinas, encontros, etc. - em relação direta com ocupações por moradia no centro e na periferia da cidade de São Paulo. Como resultado deste projeto, foi criada a peça "Vozes Para Desmoronar Paisagens", com dramaturgia de Daniela Giampietro e direção de Rafaela Carneiro, e a intervenção "Teto de Areia".

          Depois do final deste projeto, em 2015, o grupo se dedicou a aprofundar a pesquisa sobre intervenção urbana. Em 2017, iniciou a montagem de um espetáculo para crianças. Durante toda a trajetória do grupo, sempre tivemos uma forte presença e participação de crianças em ensaios, apresentações e outras ações, e a partir da experiência dessa relação iniciamos este novo trabalho, "Proibido Crianças", que estreou em 2018. 

integrantes

Luciano Antonio Carvalho
Magê Blanques
Danilo Minharro
  • Facebook Clean
  • w-youtube
This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now